Hell-o shoggoths!

Hoje falarei sobre o dia 3 –  o Baixo.

             Adriano trampava o dia todo e só estava disponível à noite, peguei-o no trabalho às 18hs para agilizar o processo da chegada ao estúdio. Adriano usou seu baixo fretless para gravar depois de testar o baixo ativo, outros timbre etc. O set foi bem simples, Um pré-amp Hartke sendo enviado para um direct box  usando dois canais para o baixo. Com esse set Adriano se sentiu a vontade para gravar. Acho que baixo para gravação é bem tranquilo e se existe uma pessoa tranquila essa pessoa é Adriano.
Adriano plugou seu fretless e mandou brasa, a sonoridade ficou bem interessante, deu um trabalho pra Leo!!!! Enfim, a gravação do baixo deu-se em 3 horas, foi preciso arrumar algumas marcações que não fizemos na pré-produção, no mais, foi tudo em ordem, próximo post, os vocais!!