Daemoncraft

Sanctifier Studio Report – Dia 2

Hail Shoggoths,

Hoje falaremos sobre as guitarras.

Chegamos eu e Victor ao estúdio e fomos logo montar o set, composto por uma cabeça Marshall JCM 900 valvulado e MESA BOOGIE Rect-o-verb valvulado com falante celestion. Ficamos na dúvida sobre quais sets de pedais usar – testei o Metal Muff da Electro Harmonix, Após o Dirty Bomb da barber electronics, todos com o equalizador de 10 bandas KFK (Kerry King) signature, e por último liguei apenas um DS1 BOSS Laranjinha customizado que possuo, ele teve uma modificação em seu circuito sendo adicionada uma chavinha com três timbres a mais e maior ganho, se quiserem depois eu repasso o contato da empresa de modificação.

Quando ligamos o laranjinha direto no Marshall…meu..me arrepiei….som dos anos 80, naquele momento subiu a alma todas as distorções clássicas: morbid angel altars,Dark Angel, incubus serpent’s temptation, obituary..etc fiquei satisfeito. Fui pesquisar o segundo timbre.

O segundo timbre procuramos pelo Mesa Boogie levamos um bom tempo querendo tirar os estalos do amp característicos dos amps mesa o que me incomodou fazendo com que eu optasse apenas pelo primeiro set, resumindo! Uma guitarra gravei com o DS1 ligado direto no marshall + celestion e o set dois eu agreguei o KFK ao DS1 mudando o timbre um pouco mais para o grave. Quando juntou as duas ficou na cara!! Distorção muito boa!! Agradando não só a mim como a Victor , Marcelo e Leo do estúdio.

Iniciamos as gravações, começando com cthulhu the unspeakable, senti certa dificuldade em gravar as músicas pq sempre imaginei fazendo apenas minha parte nas gravações mas, tive que pensar durante muito tempo como dois guitarristas, marcação, dueto, paradas, o que me fez chegar a conclusão com Victor de que um guitarrista apenas é muito bom, pelo menos para gravar!! Mesma pegada, mesma dinâmica, mesma velocidade, mesmo punch, ou seja, diferença de um canal para o outro mínima! Imperceptível, claro que adicionei minhas estranhezas características.

Continuei a sequência normal gravando todas as guitarras e dois solos, a galera me perguntou “pow Alexandre nove músicas e só dois solos?” é isso mesmo, me considero mais um compositor do que um solista, gosto de uma firulistica de vez em quando, mas gosto mesmo da morbidez e do espaço da música, da dissonância, do corpo tonal e não de uma masturbação escalística.
Finalizamos exaustos e esperando dessa vez o baixo Hoje dia 04/01.


Studio Report – DIA 1 (Cthulhu Awakening)

Hail shoggoths,

Iniciaremos aqui nosso studio report dia 1:

          Para o sanctifier esse dia foi muito especial, tendo em vista voltarmos para um studio “de verdade” após longa data. Eu digo studio de verdade por que optamos na época do awaked pelo studio caseiro, fazendo com que naquele lançamento fosse a melhor alternativa.

Hoje em dia com o sanctifier mais amadurecido e entendendo mais de equipamentos e studio, recebemos todo o suporte do experiente Victor Fábio  (Victor foi ex-membro fundador da banda e atualmente montou um studio de gravação no Rio de Janeiro o FLAMES acompanhando como engenheiro de palco pelo Brasil as bandas gringas Marduk, Dark funeral, Morbid Angel, Dying Fetus, Gorgoroth, Belphegor…etc.) o que nos deixou mais a vontade nesse ambiente.

A gravação estava marcada para iniciar 14hs, chegamos um pouco mais cedo e fícamos esperando o grande Leo do studio chegar, ao abrir o studio Marcelo foi logo montar seu set de bateria e Victor  familiarizar-se com os microfones, já que pretendia usar um set bem complexo. Após a escolha das armas Marcelo montou a bateria e Victor preocupou-se em afinar as peças e deixar tudo falando a  mesma língua, após tudo isso com 2 microfones no bumbo, dois na caixa, 4 de ambiência (nunca tinha visto isso)..etc, etc Iniciamos a gravação.

Pluguei meu DS1 Customizado pela L Sollo Effects direto na mesa apenas para dar uma cara na guitarra chamada de “guia” e começamos por “Demon ov lava” acertamos o clique em 220bpm e mandamos brasa, seguidas de “Cthulhu the unspeakable”,” necronomicon”, “tentacles”, “The power of ye”,” Daemoncraft”,” The old ones are, The old ones shall be” e finalizando com “Worshiping dark Thoughts”, O curioso é que todos os “cliques” que nós setamos para cada música foi um tempo diferente, Insane!!!

Levamos cinco horas para gravar, desse tempo 3 horas foram gastar para montar e ficar no ponto para gravar, sendo contabilizado apenas 2 horas tendo em vista um problema técnico do studio finalizando com 4 horas no dia 1.

Marcelo estava bem feliz por ter gravado todo o CD em 2 horas somando um tempo total de 45min de gravação. O resultado da batera foi incrível (Marcelo ganhou o apelido de Machine Gun por Victor) uma massa sonora como se fosse uma tempestade chegando. Hoje dia 03/01 será a minha parte: “As Guitarras” Acompanhem e comentem! Até lá!!


Track list do CD Daemoncraft

Esse é o track list do DAEMONCRAFT. As gravações iniciarão dia 02/01 indo até 09/01. Após a gravação Victor levará as músicas  para o studio FLAMES no Rio de Janeiro para mixar e masterizar.

1 – Daemoncraft
2 – The elder sign by darleth’s
3 – Worshiping dark thoughts
4 – Demon ov lava
5 – The old ones are, the old ones shall be
6 – Cthulhu – the unspeakable*
7 – Necronomicon*
8 – Tentacles
9 – Invocation of a shoggoth

* originally appear on Split “In death metallic brotherhood”


SANCTIFIER AT DOSOL FESTIVAL – FULL CONCERT

Full concert @ Festival DoSol with Krisiun and Violator.

This full concert is available in FullHD.


Daemoncraft lead

 

This is a video from a reh where I play one of the daemoncraft leads  using my shred cthulhu licks.
Iplayed some fragmented pentatonics, one major scale, some legato and arpeggios.
This lead originally was concepted to a pair of guitarrists playing in some kind of duel, but I did all by myself due mitchell’s lack of oil on his joints, he is preaparing some leads and as i concern soo he will post his leads.
I personally do not like fender’s amps, but the place where we reh is setted up with two, whatever……


Set List do Show do DOSOL

O sanctifier está ensaiando para o festival do sol com muita garra e preparou um set especial para atender o tempo do show.

1. Cthulhu – The unspeakable (daemoncraft)

2. The cycle of the entity (awaked by impurity rites)

3. Necronomicon (daemoncraft)

4. Unholy ancient masters (awaked by impurity rites)

5. Tentacles (daemoncraft)

6. The Invocation of a Shoggoth (daemoncraft)

O Set List do cd está sendo finalizado, hoje temos 7 músicas prontas para gravação e mais três aguardando serem feitas.

Em breve mais noticias.


Foto com a nova formação

Essa é a nova formação do Sanctifier da esquerda para a direita: Adriano Sabino – Baixo, Mitchell Angelo – Guitarra, Rogério Mendes-Vocal, Alexandre Emerson – Guitarra, Marcelo Costa – Bateria.

 

 

 

 

 


Sanctifier fecha com DYING MUSIC

All hell breaks loose…arghhhhh!!!!!!O sancifier fecha mais uma parceria com o selo Dying Music o qual ficará responsável pelo lançamento em CD do DAEMONCRAFT. O Lançamento contará ainda com um poster exclusivo e a gravadora confeccionará também uma camiseta exclusiva do lançamento.

Serão lançadas mil cópias do DAEMONCRAFT. Com isso a parceria do Awaked By Impurity Rites se repete aguardem maiores novidades em breve.


Ensaio das cordas ontem – NOSTALGIA!!!!!!!!

Ontem foi um dia “naftalinico” me dirigi até a casa de Mitchell  para passar músicas ainda não ensaiadas. Passamos Necronomicon e The madness messenger. Após essa sessão com amplificadores e guitarras desligadas resolvemos voltar a falar de um projeto antigo da banda e posto a cabo por Rogério, fomos selecionar o material em video e encontramos um show do Hellspawn no teatro sandoval wanderley no dia 19 de junho de 1995 (eu ainda tinha cabelo…e muito!! hahaha), Sanctifier ao vivo no Bar1 – esse show o audio foi retirado da mesa de som e também é nostálgico o ano foi 2002, e por último Sanctifier com o Mystifier – 2003.

Todos esses videos estão sendo digitalizados e em breve “..em conjunto ou não” com o daemoncraft será lançado um material multimidia oficial. Eu e mitchell ficamos assistindo os videos e rindo bastante relembrando nossas histórias e confusões daquela época, caso você tenha algum material antigo do sanctifier, fotos, videos, cartaz de show, estamos fazendo um apanhado de todo esse material.

Envie email para: alexandre.emerson@ymail.com


Parceiros DAEMONCRAFT

O sanctifier fechou a primeira parceria para o CD Daemoncraft. A escola de idiomas CALL acenou positivamente em apoiar a música extrema. Foi apresentado em reunião com os sócios a proposta do Sanctifier para o CD e espaço de divulgação, bem como toda a trajetória do sanctifier e registros de 24 anos de história: zines, demos, cds, revistas…etc.

A escola se mostrou bastante receptiva e aberta a música com apoio à cena cultural local.

segue o site www.callnatal.com.br

O CALL tem Português, Inglês e Espanhol. O melhor curso isolado de português para vestibular e concursos, bem como inglês e espanhol para todos os níveis e idades.

confira! esse é o nosso primeiro parceiro!


  • I’m A Fan

  • Sanctifier's songs

    Flash required
  • Copyright Sanctifier and Thane Ahrens 2011
    Jarrah theme by Templates Next | Powered by WordPress